Os segredos das famílias fortes – 2

12 de janeiro de 2018

sentiUm dos segredos das famílias fortes é o sentimento de pertencimento, ou sentimento de pertença.

Mas o que vem a ser o sentimento de pertença?

Como o próprio nome diz, é o sentimento de que, como indivíduo, pertencemos a um grupo, no caso a família.

Esse sentimento é formado, especialmente, nos primeiros anos da criança, no seu convívio diário com a família.

Esse sentimento permite que a criança perceba, desde a mais tenra idade, o seu lugar no grupo social, a família.

Como então é formado o sentimento de pertença?

O sentimento de pertença deixa a teoria e entra no mundo familiar quando ações são praticadas no dia a dia da vivencia da família.

São nos momentos simples, desde os primeiros dias de um bebe, quando a mãe o amamenta e o acolhe emocionalmente em seus braços.

Com o crescimento da criança, pais podem fortalecer o sentimento de pertença lendo histórias para seus filhos, dando-lhes banho, participando das festinhas e reuniões escolares, quando agacham para uma conversa e para brincadeiras.

Sentimento de pertença é cultivado quando a família comemora o aniversário da criança, faz aquele bolinho e canta parabéns. Quando andam de mãos dadas.

Pais que desejam fortalecer o sentimento de pertença podem, por exemplo, contar a história dos antepassados da família. Podem colocar fotografias dos antepassados de modo que as crianças percebam que há uma linha geracional na família.

Nas famílias europeias, o brasão da família cumpre esse papel.

Escreva, mesmo de forma simples, a história da família, imprima e deixa para as gerações seguintes.

Muitas vezes a história da família fica perdida no tempo porque a fonte primária não está mais presente.

Muitas das histórias de minha família eu consegui através de uma tia de segundo grau já falecida há muito tempo.

Foi através dela que obtive a informação de que meu bisavô veio da Itália aos noves anos. A partir desta informação comecei a saga pelo reconhecimento de minha cidadania italiana, alcançada em 2015.

Outra forma de fortalecer o sentimento de pertença é construir a árvore genealógica da família. Existem sites que ajudam neste sentido, como por exemplo, www.myheritage.com.br .

Outra maneira de fortalecer o sentimento de pertença é passar para as gerações seguintes um objeto que simboliza a continuidade da família.

Pode ser algo simples, como um relógio, uma cristaleira, uma cadeira. Quando esse objeto é passado de geração para geração a mensagem que fica é que pertencemos a uma família, nossa família tem uma história.

Votando ao impacto positivo do sentimento de pertença na criança, quando essa percebe que faz parte e tem um vínculo com uma família, se estabelece a segurança emocional, possuindo assim um sentimento de “porto seguro”.

Crianças que não experimentam isso na família, com certeza vão buscar em outros lugares, muitas vezes perigosos.

****************

Gilson Bifano é diretor do Ministério OIKOS. Palestrante, escritor e coach na área de família e casamento. oikos@ministeriooikos.org.br

 

Share Button

Related Posts

Filhos adolescentes, como lidar?
Bodas de quê?
Família, crianças e celulares

Deixe seu Comentário

comentários