Treinando o papai

6 de agosto de 2021

the-game-plan-originalÉ uma ótima comédia para assistir com toda a família. Dirigido por Andy Fickman e produzido por Mark Ciardi e Gordon Gray, este filme tem em seu elenco os excelentes Dwayne Johnson – Joe Kingman, Madison Petis – Peyton Kelly e Kyra Sedgwick – Stella Peck, entre outros.

Joe é um solteirão convicto, quaterback da equipe de Boston, que leva uma divertida e luxuosa vida. Vive para sua profissão e faz dela a coisa mais importante de sua vida, já que todos o amam por ele ser o melhor. Aqui, certamente, muitas pessoas que se dedicam inteiramente à profissão já podem começar a se identificar com este personagem.

De repente, em pleno campeonato, surge em sua vida a pequena Peyton, a filha de oito anos que não sabia que existia. Esperta, a menina faz de tudo para chamar a atenção do pai e encaixar-se em sua vida. E começam então as cenas ao mesmo tempo engraçadas e tocantes.

É muito interessante observar Peyton aprontando várias para obter a atenção de um pai que só pensa em trabalhar e manter sua fama. Porque centenas, milhares de crianças, fazem a mesma coisa. Se ficasse quietinha, boazinha, comportadinha, certamente ele nem olharia para ela, então ela faz exigências e arma situações com o objetivo de chamar a atenção para si. Não é que crianças façam isto conscientemente, por um instinto natural, elas fazem coisas certas e erradas para atrair a atenção dos pais. Porque filhos de todas as idades precisam, no dia a dia, da atenção direta e cuidado dos pais.

Enquanto o filme se desenrola, Peyton faz várias vezes, a mesma pergunta para o pai: “Qual é a coisa mais importante na sua vida?”

Repasso a mesma pergunta para você pai, você mãe: O que é mais importante na sua vida?

Espero que não seja seu trabalho, pois ele é finito. Quando você se aposentar ou se for mandado embora, será substituído e dentro de pouco tempo, esquecido.

Espero que seja seus filhos, seu cônjuge, sua família. A família não nos esquece, os filhos são nossos primeiros e eternos admiradores. Para eles passamos valores eternos, conceitos que irão repassar para nossos netos e estes para nossos bisnetos.

E Joe acaba descobrindo que existem outras coisas na vida além do dinheiro, de campanhas publicitárias e de milhares de torcedores apaixonados: o amor e carinho de uma pequena fã, que tem único pai, ele próprio. Ele descobre isto de uma maneira muito dolorosa, mas acaba tendo a oportunidade de recomeçar.

Entretanto, quantos pais jamais se dão conta da importância de se dedicar aos filhos!

Joe e Peyton enfrentam dificuldades no relacionamento, mas não perdem a oportunidade de se conhecer, de vencer as barreiras e aprendem muita coisa juntos.

Isto não tem preço, é a coisa mais cara que se pode achar…

Que tal dar a seus filhos e família a prioridade devida?

******
Por: Psic. Elizabete Bifano

Share Button

Deixe seu Comentário

comentários